Quais são os sintomas do estresse e como se livrar disso?

Em um mundo tão agitado quanto o de hoje em dia, é quase impossível não ser vítima do estresse.
Você pode até fazer uso de inúmeros métodos de meditação e relaxamento e ter lá no fundo o desejo de contemplar a vida como um monge zen. Mas na batalha do dia a dia parece que a gente sempre sai perdendo.

Por que a gente se deixa levar tanto por essa vida de estresse?

Nesse ponto quero esclarecer que existem dois tipos de estresse: um é positivo, o outro… bem, o outro seria negativo.

Quando falamos na força motriz que move o mundo e sua criatividade, na garra de executar uma tarefa com vigor, então nos referimos a um estresse bom. Pode ser muito trabalho, mas é prazeroso. Depois de cumprida a tarefa, tem-se o gosto de missão cumprida e volta-se ao normal novamente.

No entanto, quando se experimenta um estado de emoção negativa, na maioria dos casos uma pressão a contra gosto e um estado de medo e apreensão, então, nós entramos em estado de alerta.

É o instinto chamando-nos para a sobrevivência: assim como um animal selvagem ou o homem das cavernas, sempre perante uma situação de perigo, ou você luta ou você foge.

Todo o corpo fica tenso, a adrenalina sobe, assim como a pressão e o batimento cardíaco. Isso acontece porque você precisa dedicar mais energia para se proteger do suposto ataque.

Tudo pode ser motivo para ativar esse estado de alerta e acabar com o equilíbrio interno: pode ser a falta de dinheiro, a discussão no casamento, o ambiente do trabalho, a política ou até o jogo de futebol. Situações assim nos deixam arrasados, doentes, agitados e infelizes com o rumo da vida.

Quando essa ameaça ocorre, imediatamente é acionada dentro do cérebro a amídala, que é responsável para dar o alarme de perigo ao resto do corpo, produzindo os hormônios do estresse, que são a adrenalina e o cortisol.

A EFT, acupuntura emocional, provou ser um instrumento bastante eficaz para reduzir drasticamente esse estado, trazendo a paz e a segurança necessárias para restaurar o equilíbrio e consequentemente a saúde emocional e física.

Ao se fazer o tapping, ou leves batidas nos pontos energéticos, enquanto se foca nessas emoções negativas, ocorre uma reprogramação: o que antes era um sinal de alarme, ativado pela amídala, agora é um sinal de suavidade, paz e controle.

De acordo com uma pesquisa na Escola de Medicina da Universidade de Harvard, o estímulo em certos pontos da acupuntura diminui sensivelmente a atuação da amídala.

Vários estudos semelhantes como esse mostraram a eficácia da técnica da EFT nos maiores desafios da vida moderna, que é a luta que travamos diariamente dentro de nós mesmos, que causam o estresse e suas consequências, como traumas, inquietações, vícios e doenças físicas.

Não é necessário virar um monge zen, mas sim aprender a lidar com as emoções e mudar a maneira de ver a vida. Como se faz isso? Fortalecendo a própria confiança em si e crescendo a autoestima. Isso é como uma imunidade contra os altos e baixos que o estresse causa na vida.

 

Fonte: http://www.equilibriocontinuo.com.br/blog/quais-sao-os-sintomas-estresse-e-como-se-livrar-disso/

Anúncios